Notícias
Alemanha: dados para bater o Brasil

09 jul
2014

Alemanha: dados para bater o Brasil

Para aplicar sobre o Brasil uma histórica vitória de 7 a 1 – a maior goleada já sofrida pela seleção canarinho – na semifinal da Copa do Mundo, a seleção da Alemanha recorreu a um recurso avançado: ciência.

1404855222_klose10551003_744368602267925_8022362293364579828_n

Cerca de 50 pesquisadores na universidade de Colônia desenvolveram uma base de dados durante os últimos dois anos para estabelecer estatísticas que apoiassem o grupo alemão durante a competição internacional. A informação é da Reuters.

Baseado nesta metodologia, até agora o esquadrão germânico está invicto, assim como estava o Brasil – ambos os times tinham quatro vitórias e um empate.

No entanto, a equipe alemã confiou na sua tática para bater a esquadra de Felipão, acreditando na tecnologia como uma vantagem para vencer na casa dos adversários.

“Estamos trabalhando neste projeto por dois anos e nosso sistema foi inteiramente projetado para isso”, destacou Hansi Flick, um dos assistentes técnicos da equipe alemã.

Os números não mentem: é fato que em nenhuma das seis copas realizadas nas Américas um time europeu levou o caneco. A pesquisa alemã, somada a relatórios de observação de equipes adversárias, tem o papel de dar os subsídios para a Alemanha mudar essa escrita.

“Temos esta base de dados enorme para avaliar e, junto com os scouts, temos a capacidade de analisar de perto nossos oponentes e planejarmos nossas partidas. Nos ajudou bastante no preparo”, completou Flick.

Entre os dados levantados estão estatísticas táticas de cada jogador, como dados de rotas e dribles mais usados, comportamento durante marcação e reação às faltas, entre outras características, tanto individuais quanto coletivas.

Com todos estes dados, o plano alemão é fazer história sendo o primeiro time europeu a vencer uma copa nas Américas, colocando o tetra ao lado das taças conquistadas na Suíça (1954), Alemanha (1974) e Itália (1990).

Além disso, a equipe está usando tecnologia da também alemã SAP de banco de dados em mémoria Hana para facilitar a análise dos treinamentos e a preparação das equipes.

A novidade, batizada de SAP Match Insights, ainda está nas fases iniciais, é produto de um acordo de co-inovação entre a multinacional alemã e a Federação Alemã de Futebol (DFB).

O Match Insights é usado para a preparação pré jogo e análise posterior às partidas durante a Copa do Mundo do Brasil.

Fonte: Baguete

Sem comentários

Comente:

You must be logado em para postar um comentário.