Notícias
Aproximadamente 40% dos profissionais de TI estão fora do escritório

19 jul
2012

Aproximadamente 40% dos profissionais de TI estão fora do escritório

Pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha, para o Sindicato de Trabalhadores de TI (Sindpd), revelou que cerca de 40% da categoria de TI (Tecnologia da Informação) já não ficam apenas na empresa em que trabalham.

A cada 10 profissionais, dois trabalham no sistema In Company, alojados nos clientes da empresa, 11% visitam vários clientes no dia-a-dia e 7% exercem suas atividades em formato home office.
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores de TI do estado de São Paulo, Antonio Neto, acredita que essa é uma tendência que continuará a crescer, mas é preciso garantir os direitos dos colaboradores que ficam fora da sede.

“A presidente Dilma sancionou uma lei em dezembro do ano passado que assegura todos os direitos do trabalhador convencional para o trabalhador remoto. Ou seja, quem trabalha em casa ou visitando clientes, também recebe hora-extra, adicional noturno e assistência em caso de acidente de trabalho”, concluiu.

Renda

O estudo apontou que esse fator tem relação direta com a renda mensal familiar. A quantidade de profissionais fora do escritório é maior entre aqueles que ganham mais de 20 salários mínimos (mais de R$ 12.440). Entre os que ganham esta quantidade, 28% trabalham em sistema In Company.

Entre aqueles que recebem entre 5 a 10 salários mínimos (R$ 3.110 a R$ 6.222) e de 10 a 20 (R$ 6.222 a R$ 12.440) a percentagem recua para 19%. Aqueles que ganham mais de 20 salários mínimos também são os que trabalham com home office, com 12%. O índice cai para os que recebem de 10 a 20 salários, 9%, e para os que recebem de 5 a 10 salários, 4%.

Fonte: InfoMoney

Sem comentários

Comente:

You must be logado em para postar um comentário.